FITOTERÁPICOS


Fitoterapia é um termo que deriva do grego therapeia, que quer dizer tratamento, e phyton, vegetal. Remete ao estudo das plantas medicinais, bem como suas aplicações na cura de doenças. O uso de plantas medicinais em tratamentos é uma prática de origens muito antigas, relacionada aos primórdios da própria humanidade e da medicina, sendo fundamentada no acúmulo de informações por sucessivas gerações.

A Fitoterapia é uma ciência e engloba desde o uso popular das plantas até a utilização de Fitomedicamentos. Os medicamentos fitoterápicos são aqueles extraídos de matérias – primas ativas vegetais.

Estes medicamentos passam pelo mesmo controle e estudos clínicos que outros medicamentos tradicionais, o que assegura sua eficácia e segurança para o uso humano.
Utilizam-se extratos, tanto secos como fluídos, tinturas, ceras, ou óleos destes vegetais. Estes podem ser simples, quando proveniente de uma única planta ou compostos, quando provenientes de mais de uma planta.

Os medicamentos Fitoterápicos podem ser utilizados para diferentes necessidades, como cicatrizantes, anti-inflamatórios, tratamento de dores lombares, queimaduras entre muitas outras indicações. Além disso, podem ser administrados em forma de cápsulas, xaropes, cremes, pomadas, shampoos.